sábado, 31 de dezembro de 2016

Desafio: assistir TUDO de Star Trek em 2017

Fonte: @HollyAmos22


Com todas as séries da franquia disponíveis no catálogo da Netflix, o blog propõe um desafio: assistir TUDO de Star Trek em 2017.

Sim! Ver ou rever cada um dos 725 episódios, de cada série de Star Trek, já produzidos até o momento. Para isso, é preciso manter a média de 2 episódios por dia, podendo assistir 4 da série animada, já que eles são mais curtos (22 minutos).

A sugestão de calendário seria a seguinte, conforme a dica da jornalista Holly Amos, trekspert da CBS:

Star Trek: 1º de janeiro a 10 de fevereiro

Star Trek TAS: 11 a 16 de fevereiro

Star Trek TNG: 17 de fevereiro a 17 de maio

Star Trek DS9: 18 de maio a 14 de agosto

Star Trek VOY: 15 de agosto a 9 de novembro

Star Trek ENT: 10 de novembro a 29 de dezembro

É bom lembrar que em maio estreará Star Trek: Discovery, portanto, serão mais 13 episódios a serem vistos dentro deste cronograma. 

Obviamente, não podemos nos esquecer dos 13 filmes, que poderão ser vistos um por mês, deixando Beyond para os dias que sobram no final de dezembro. 

Partiu maratona de um ano?

Um feliz ano novo a todos! Que 2017 seja um ano repleto de Star Trek!





quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Star Trek na Comic Con Experience 2016 | por Angelo Werner

Angelo Werner, nosso enviado especial, conta tudo sobre Star Trek na Comic Con Experience 2016

Evento contou com painel especial de Adam Nimoy, sessão de autógrafos de livro nacional e mais

Adam Nimoy
Imagem: Ricardo Matsukawa/UOL

Entre os dias 1 e 4 de dezembro a São Paulo Expo foi palco da terceira edição da Comic Con Experience, versão nacional do maior evento de cultura pop do mundo. Em seus mais de 115.000 m², o local abrigou diversos estandes. Warner, Disney, Sony, Fox, Netflix e HBO estavam lá para anunciar e expor suas novidades e atrações, além de inúmeras lojas de brinquedos, colecionáveis, livros e HQs para aqueles que estavam dispostos a gastar um pouco do seu dinheiro com itens raros e até mesmo exclusivos. Mas foi no Auditório Cinemark que o grande momento trekker do evento aconteceu.

Foi durante a sexta-feira (02/12), segundo dia de atrações, que o Auditório deu espaço ao painel “For the Love of Spock – Celebrando os 50 Anos de Star Trek”. A partir das 10h30 foi exibido, para uma plateia de mais de 2000 pessoas, o documentário For the Love of Spock. Dirigido por Adam Nimoy, a obra fala sobre seu pai, Leonard Nimoy: sua vida, sua obra, seu insuperável personagem Spock, e seu recente falecimento. Após o final da exibição, que contou com muitas risadas e lágrimas dos expectadores, o próprio Adam e seu produtor David Zappone estiveram no palco para uma sessão de perguntas e comentários. Adam falou bastante sobre a origem do projeto, como ele se desenvolveu após a morte de Leonard, e como foi abrir de tal forma sua vida pessoal e sua relação com seu pai para o público. 

Zappone contou mais sobre o processo de produção, sobre como a Paramount foi uma parceira essencial, tanto cedendo os atores de Beyond para as entrevistas em intervalos das gravações do filme, quanto emprestando uma sala de edição para o fechamento do documentário. Contou também um pequeno segredo: a sala continha uma grande foto de Leonard Nimoy pendurada no alto, observando e dando apoio a todos durante o projeto (e também uma bem pequena de William Shatner, em uma das mesas). Para aqueles que quisessem rever o documentário veio uma mensagem tranquilizadora: ele estará, em breve, no catálogo da Netflix [boa notícia: os assinantes já podem ver o filme no serviço de streaming, clique aqui].

Mas foi ao final do painel que Adam Nimoy revelou uma surpresa. Ao abrir sua camisa, revelou por baixo uma camiseta cuja estampa era a icônica imagem de Che Guevara, mas com o rosto da Major Kira Nerys. Foi essa a forma que ele usou para informar ao público brasileiro que já está trabalhando em seu próximo projeto: um documentário sobre a série Deep Space Nine. Disse que quer trabalhar mais com a franquia, por se considerar um trekker, ou “o primeiro trekker”, como gosta de dizer, pois já era fã daquilo que via quando ia acompanhar o pai nas gravações da primeira temporada, em 1966. Ao saírem do palco, muito mais do que aplausos, os dois foram saudados com uma plateia inteira de pé, em silêncio, com as mãos estendidas fazendo a famosa saudação vulcana: vida longa e próspera.

Imagem: Divulgação/Twitter


Assim como Adam, que seguiu curtindo a Comic Con passeando e tirando foto com cosplayers, as atrações de Star Trek não pararam por aí. Às 16h do mesmo dia os autores Salvador Nogueira (que havia sido mediador do painel mais cedo) e Susana Alexandria estavam autografando seu novo livro “Jornada nas Estrelas – O Guia da Saga” no estande da Editora LeYa. Em 320 páginas o livro traz uma lista de todos os 729 episódios que compõem a franquia até o momento, além dos 13 filmes, com sinopses, dados técnicos, curiosidades e avaliações pessoais dos autores, tudo isso costurado em capítulos que contavam um pouco dos bastidores de cada temporada. A sessão de autógrafos logo se transformou em uma roda de conversa sobre Star Trek para todos que parassem por ali.

Imagem: Divulgação

Além disso, era possível encontrar muitos itens para comprar. Lojas de colecionáveis possuíam as já famosas Funko Pop! Vinyl Figures, réplicas de phasers, tricorders e comunicadores, miniaturas de naves, action figures, dioramas e muito mais. A Eaglemoss aproveitou para antecipar em seu estande a venda de sua nova série de naves: era possível adquirir uma Enterprise Refit e uma Ave de Rapina Klingon (Classe B’rel), juntas, por R$ 170. Mas os garimpeiros podiam acabar encontrando verdadeiro tesouros no meio de todo aquele caos de consumo. Fotos dos elencos completos de TNG e da TOS, autografadas por todos, acompanhadas de certificado de autenticidade. Lembrancinhas para quem pudesse desembolsar, respectivamente, R$ 2.500 e R$ 30.000.

Imagem: Angelo Werner


Mas, uma coisa que se tornou logo aparente para quem checasse os cronogramas de painéis, listas de estandes e atrações era uma total ausência de citações à nova série Discovery. Em um evento onde as empresas se esforçavam ao máximo para divulgar de forma criativa todas as suas novidades, o silêncio absoluto quanto às novidades de Star Trek era, no mínimo, desconfortável. Uma escolha publicitária misteriosa, incompreensível, e preocupante.

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Lançamento de Star Trek: Sem Fronteiras em Blu-ray e DVD será em 7 de dezembro

Com informações da M2 Comunicação

STAR TREK: SEM FRONTEIRAS já tem data certa para chegar às prateleiras brasileiras. Dia 07 de dezembro é o dia em que os fãs poderão adquirir o mais recente filme da franquia. Ele estará disponível nos formatos Blu-ray 3D, Blu-ray e DVD. O público também poderá conferir os Packs 1-3 com todos os filmes da Kelvin timeline, também em Blu-ray e DVD.

Em STAR TREK: SEM FRONTEIRAS, Kirk (Chris Pine), Spock (Zachary Quinto) e a tripulação da Enterprise encontram-se no terceiro ano da missão de exploração do espaço prevista para durar cinco anos. Eles recebem um pedido de socorro que acaba os ligando ao maléfico vilão Krall (Idris Elba), um insurgente anti-Frota Estelar interessado em um objeto de posse do líder da nave. A Enterprise é atacada, e eles acabam em um planeta desconhecido, onde o grupo acaba sendo dividido em duplas.

Com produção de J.J. Abrams, Justin Lin (da franquia "Velozes e Furiosos") dirige o novo filme da saga. O elenco também é formado por Zachary Quinto, Zoe Saldana, Karl Urban, John Cho, Anton Yelchin, Sofia Boutella e Simon Pegg.

DVD Colorido
Gênero: Ficção Científica
Duração: 122 minutos
Formato de Tela: Widescreen 2.39:1 Anamórfico 
Áudio: Inglês (DD 5.1), Espanhol (DD 5.1), Português (DD 5.1)
Legenda: Inglês, Espanhol, Português
Classificação Indicativa: 12 anos
Data de Lançamento: 07 de dezembro de 2016
Preço Sugerido: R$39,90
Extras: Além da Escuridão; Star Trek no Deserto; Para Leonard e Anton; Music Video - Sledgehammer; Trailers

Blu-ray
Gênero: Ficção Científica
Duração: 122 minutos
Formato de Tela: Widescreen 2.39:1
Áudio: Inglês (Dolby Atmos), Espanhol (DD 5.1), Português (DD 5.1)
Legenda: Inglês e Inglês (SDH), Espanhol, Português
Classificação Indicativa: 12 anos
Data de Lançamento: 07 de dezembro de 2016
Preço Sugerido: R$69,90
Extras: Mais de 1 hora de extras: Cenas inéditas; Além da Escuridão; A Queda da Enterprise; Divididos e Conquistados; Um Estranho Senso de Vingança; Star Trek no Deserto; Explorando Estranhos Mundos Novos; Novas Vidas, Novas Civilizações; Vida Longa e Próspera; Para Leonard e Anton; Erros de Gravação.

Blu-ray 3D
Gênero: Ficção Científica
Duração: 122 minutos
Formato de Tela: Widescreen 2.39:1 
Áudio: Inglês (Dolby Atmos), Espanhol (DD 5.1), Português (DD 5.1)
Legenda: Inglês e Inglês (SDH), Espanhol, Português
Classificação Indicativa: 12 anos
Data de Lançamento: 07 de dezembro de 2016
Preço Sugerido: R$89,90
Extras: 
3D: Nada

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Blog em recesso


Como muitos sabem, este blogueiro encontra-se na reta final de sua dissertação de mestrado (que, diga-se de passagem, apresenta um tema que nada tem a ver com Star Trek). 

Portanto, com os prazos cada vez mais apertados a se cumprir e as muitas leituras a se fazer - concomitantemente ao trabalho de pesquisa junto às fontes -, o tempo disponível para as atividades pertinentes ao Apenas um Trekker foi consideravelmente diminuído neste final de ano. 

Afinal. o prazo final para entrega da pesquisa está se aproximando (janeiro de 2017) e a cada dia que passa o calendário me avisa: entre em dobra, Eduardo, pois ainda falta muito trabalho!

Sendo assim, aviso a todos que por ventura gostem do blog e sintam falta de atualizações, que nesse período, compreendido entre novembro de 2016 e janeiro de 2017, a página entrará em recesso. Obviamente, vez que outra, dependendo do avanço nos trabalhos da dissertação, uma ou outra postagem nova poderá aparecer por aqui durante o período referido acima. Porém, o mais certo é que o blog retome a sua produtividade normal somente a partir de fevereiro ou março do ano que vem.

Como de praxe, conto com a compreensão de todos nesse momento de hiato do blog; e espero sua audiência - que tanto me honra e motiva - dentro de alguns meses novamente, sobretudo devido a Star Trek: Discovery que estará quase estreando e terá ampla cobertura aqui na página.

Vida longa e próspera a vocês, a Star Trek e ao Apenas um Trekker!

sábado, 29 de outubro de 2016

Séries de Star Trek começam a chegar à Netflix



Finalmente, após uma longa espera, as séries de Star Trek começam a chegar ao catálogo da Netflix. A primeira a entrar - em versão dublada e legendada - foi Deep Space Nine, com seus 176 episódios. Que alegria ver a carinha do Chief O'Brien ilustrando a sinopse da série que, segundo a Netflix, apresenta "cenas e momentos sombrios". 

A previsão é de que nos próximos dias as outras séries também sejam incluídas no acervo.

Aproveitem para maratonar como se não houvesse amanhã!

*Agradeço ao amigão Tiago Porto pelo envio do print. 

domingo, 16 de outubro de 2016

Dica de cinema: Jornada nas Estrelas VI: A Terra Desconhecida


O canal Pocket Series tem um programa chamado Pipoca de Bolso, onde os convidados indicam um filme para o público que assiste o canal, interessados em cinema, etc. 

Na última sexta (13/10) foi ao ar a minha participação, indicando o filme Star Trek VI: The Undiscovered Country (Jornada nas Estrelas VI: A Terra Desconhecida), dirigido por Nicholas Meyer e que completará 25 anos de estreia no próximo mês de dezembro.

A gravação foi no CineBancários em Porto Alegre e ficou muito bacana. Espero que vocês curtam a dica. Confiram no final do post.

E não se esqueçam: quem curtir, por gentileza se inscreva no canal e dê aquele like bonitinho. O pessoal que toca o canal (Alex Racor, Freddy Paz e Cristiane Agassis) faz um trabalho espetacular e merece todo o reconhecimento por isso. 

Vida longa e próspera!

Assista abaixo o Pipoca de Bolso #15 com a dica de Jornada nas Estrelas VI: A Terra Desconhecida.






sábado, 15 de outubro de 2016

Nos 35 anos de Star Trek, O Globo destacava a influência tecnológica da série

No ano em que Jornada nas Estrelas completava 35 anos, o jornal O Globo publicava uma matéria, em 15/10/2001 - portanto há exatos 15 anos -, abordando as tecnologias presentes no universo de Star Trek que já haviam se tornado realidade.

A reportagem dá destaque ao GPS, comparável à tecnologias das espaçonaves da Frota Estelar, que são capazes de localizar uma pessoa em qualquer ponto de um planeta. Outro exemplo lembrado pelo jornal foram os comunicadores (erroneamente chamados na matéria de tricorders de comunicação) que se assemelham bastante aos telefones celulares. 

O texto compara também a tela na ponte de comando com as teleconferências ainda incipientes no início dos anos 2000 e hoje uma realidade parte do cotidiano, a partir de serviços como o skype ou hangout do Google. 

Além, é claro, daquilo que é bem conhecido por nós trekkers: a influência que as tecnologias da série tiveram sobre o trabalho de engenheiros, cientistas, pesquisadores, etc. 

Não vou entregar tudo que a matéria traz de interessante sobre o tema para não estragar a surpresa. Confira você mesmo clicando e ampliando a imagem logo aí abaixo. 

Como diria nosso velho amigo de orelhas pontudas, é "fascinante".  


quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Rejoined: audaciosamente discutindo a homossexualidade em Star Trek DS9

Tradicionalmente, Star Trek sempre abordou questões contemporâneas em suas histórias que se passam no futuro e no espaço. Guerras, racismo - e posteriormente, a homoafetividade e o preconceito contra homossexuais. 

Um episódio emblemático a este respeito é Rejoined, da quarta temporada de DS9. Escrito por Ronald D. Moore e René Echevarria, baseado em uma história deste último, foi dirigido por Avery Books (Sisko) e - espelhando o beijo inter-racial de Kirk e Uhura - mostrou o primeiro beijo homossexual em um episódio de Star Trek.

E tudo começou através de um memorando datado de 2 de junho de 1995, enviado para Rick Berman por Moore, Echevarria e Ira Steven Behr. No documento, os autores informam que pensavam em ir numa direção ousada sobre este episódio e queriam comunicar Berman antes que este saísse de férias. 

Após narrarem brevemente o fato da história girar em torno do reencontro de Dax com um antigo amor, destacando que na sociedade Trill existe o tabu sobre relacionamentos com antigos hospedeiros. Até aí tudo bem. Mas em seguida vem o pulo do gato do episódio:

"Queremos que este antigo amor de Dax seja uma mulher"

Uau! Sim, de fato, a partir disto o episódio passa a seguir uma direção muito mais ousada, criando uma alegoria poderosa sobre os relacionamentos homossexuais e às perseguições/proibições a estas formas de amor. 

A ideia dos roteiristas é deixada bem clara no documento: 

"(...) a proibição do caso de amor devido a um tabu social [da sociedade Trill] (...) fará a audiência reagir ao tabu do século 20 contra a homossexualidade."

Os autores do memorando ainda ponderam que as leis contra homossexualidade são controversas por irem contra os direitos individuais: 

"esta história aborda as mesmas questões, mas em um contexto alienígena de Star Trek."

Sem esquecer que esta era uma oportunidade relevante de fazer um comentário social sobre um problema do século 20, destacam como seria interessante que DS9, como encarnação de Star Trek, pudesse continuar este legado.

Para finalizar, os autores sintetizam a importância em realizar este episódio nos moldes que propõem no memorando: 

"Se fizermos esta história, e a faremos bem, todos nós um dia olharemos para trás com um grande senso de orgulho"
Rejoined, que completa 21 anos no próximo dia 30 de outubro, é um dos meus episódios favoritos dentre todos os já produzidos por Star Trek. Não somente por trazer questões relevantes, que provocam discussão e fazem os trekkers pensarem em seus próprios preconceitos, mas pela sua ótima realização em amplo sentido: direção, elenco e roteiro. Momento alto de Jornada nas Estrelas, memorável e que nos faz sentir orgulho - assim como vaticinaram seus realizadores - ao olharmos para a história de Jornada nas Estrelas e percebermos o quão especial - e até mesmo pedagógica - a série é.

terça-feira, 11 de outubro de 2016

domingo, 9 de outubro de 2016

Gravação para o Pipoca de Bolso


Na última sexta tive a honra de participar do Pipoca de Bolso, que é um programa do canal Pocket Series do youtube, onde pessoas ligadas à àrea do audiovisual dão dicas de filmes. 

Obviamente, não sou cineasta nem ator, mas fui convidado pelo Alex Racor (idealizador do canal) por ter organizado a mostra de cinema em homenagem aos 50 anos de Star Trek, e, claro, pelo trabalho com o blog, que inclusive é lido pelo pai do Alex, algo que muito me alegra. Aproveito e mando um grande abraço para ele, o seu Paulo Salvador Corrales, e agradeço imensamente pela leitura do Apenas um Trekker.

A gravação foi no querido CineBancários, e o filme que indiquei foi Jornada nas Estrelas VI: A Terra Desconhecida. O vídeo deve ir ao ar na próxima sexta, dia 14 de outubro. Fiquem ligados!

Indicando o glorioso ST6

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Trekkers comentam a experiência de comemorar os 50 anos de Star Trek na "Jornada Cinematográfica"

Debate no último dia da Mostra no CineBancários
Foto: Jener Gomes
Foi uma longa jornada. Foram meses de planejamento e trabalho duro para que Porto Alegre pudesse celebrar os 50 anos de Jornada nas Estrelas de uma maneira inesquecível. E assim, durante o mês de setembro de 2016, os trekkers gaúchos estiveram mergulhados profundamente (como a Enterprise de Into Darkness, porém com mais graça) em dois eventos que marcaram o jubileu da série. 

No primeiro, chamado 50 Anos de Star Trek: Onde Nenhuma Série Jamais Esteve, organizado pelo Apenas um Trekker em parceria com o Centro Cultural CEEE Erico Verissimo (CCCEV), os fãs puderam assistir episódios inesquecíveis da série original. Ao que se seguiu, nas três datas (27/08, 03 e 10/09), conversas extremamente agradáveis entre trekkers de diversas gerações. 

No segundo evento - uma Mostra de Cinema intitulada 50 Anos de Star Trek: Uma Jornada Cinematográfica , igualmente organizado pelo blog, desta vez em parceria com o CineBancários -, os trekkers puderam comemorar o cinquentenário da série assistindo na telona os filmes de Jornada nas Estrelas, numa verdadeira "jornada" pelos 12 longas-metragens produzidos entre 1979 e 2013. Com exibições de quatro filmes por dia  - em 12, 19 e 26 de setembro - muitos fãs não arredaram pé da sala de cinema, acompanhando todos os filmes e participando da sessão comentada, sempre realizada após a última exibição.

Sem falar nos 10 membros do grupo Apenas um Trekker que ganharam ingressos para a sessão de pré-estreia de Star Trek: Sem Fronteiras!

Foram grandes eventos, com grandes e memoráveis momentos, onde "amigos virtuais" de longa data puderam se conhecer pessoalmente e trocar ideias, numa grande e emocionante celebração trekker. A fim de registrar estes sentimentos intensos, o blog pediu para que alguns trekkers (infelizmente não conseguimos contatar a todos) respondessem a seguinte pergunta: "Como foi comemorar os 50 anos de Star Trek assistindo os filmes em uma maratona no cinema?".

Confira abaixo as respostas:

Eu e a minha amiga já tínhamos reservado a tarde (do primeiro dia) desde julho, quando eu vi que ia ter essa maratona. Como muita gente lá no dia, essa foi a primeira oportunidade que eu tive de assistir aos filmes numa tela maior que a da minha TV, então foi genial. Fora que Star Trek (TOS) fez uma baita diferença na minha vida, porque foi uma das razões pelas quais eu escolhi trabalhar com ciência. -Marina Mainardi

A possibilidade de poder assistir a esses clássicos do cinema, no formato e qualidade proporcionados, oportunizou uma verdadeira experiência sensível. Estar reunida com pessoas que também tem esse envolvimento e carinho pela história, pelos personagens - ainda que apenas como 'colegas espectadores' -, foi de uma troca rica em questões de compartilhamento; não só de interesses, mas de dúvidas, dos ensejos de conhecimentos colocado em inquérito pela história e que nos conduzem à curiosidade de perguntas infindáveis. Agradeço muito pelos organizadores do evento! Foi um momento ímpar na vida de uma trekker. -Gabriela Paludo

Eu tenho 49 anos e Star Trek 50 anos, ou seja, Star Trek me acompanhou durante toda a minha vida, e também acompanhou toda a transformação dessa nossa sociedade, ajudou a criar cientistas, engenheiros e médicos. Ajudou a que novas tecnologias fossem inventadas e colocadas para o bem da humanidade. Assistir os filmes Star Trek novamente é reviver um pouco a origem de tantas coisas, ver novamente com calma a "semente do bem" que foi plantada no seio de nossa sociedade em diferentes épocas. Mas o melhor é sempre olhar para tela e ver que aquela sociedade evoluída é perfeitamente possível de ser alcançada pela nossa humanidade, basta melhorarmos. Após 50 anos Star Trek está viva e mais atual do que nunca, um modelo a ser alcançado mesmo diante das nossas atuais dificuldades. -Almirante MDaniel Landman

Foi emocionante, impagável poder assistir na tela de cinema filmes que eu só tinha visto em televisão. Só havia assistido no cinema, nos lançamentos, a partir de Generations, e ainda assim havia perdido o Primeiro Contato e Insurrection. Assistir aos filmes da Clássica na telona foi demais, assim como o Primeiro Contato. Pena ter perdido Insurrection, mas mesmo assim a experiência foi demais. Conhecer pessoalmente o Almirante MDaniel Landman, que tinha contato desde 2002 foi muito bom. Participei de todos os debates, foi fascinante, e este filme novo no ano dos 50 anos de Star Trek renovou minhas esperanças! Foi um setembro muito especial, valeu mesmo! E que venham outros eventos do tipo, que tal episódios selecionados na telona! -Olavo Ludwig

Foi um privilégio e ao mesmo tempo uma honra ter participado desse evento! Stat Trek é uma das minhas séries preferidas! Reencontrar alguns antigos e conhecer novos trekkers foi gratificante! Parabéns aos organizadores, pois foi impecável! -Andréa Martins

Eu acredito que foi uma das melhores comemorações trekkers dos 50 anos no país! A emoção de ver os primeiros filmes no cinema, e  com a estrutura do CineBancários foi um grande presente. Ficou aquela pequena inveja de quem pôde realmente maratonar todos os 12 filmes -  só consegui em 6... Agora, encontrar e conhecer outros fãs com o mesmo entusiasmo isso é fantástico! A emoção em cada referência, o suspiro em cada detalhe e o reencontro com os personagens que fazem parte do nosso imaginário. Mas o máximo: sentir todos a tua volta sussurrando uma mesma prece que nos lembra que sim temos esperança no futuro.  Space: the final frontier. These are the voyages of the starship Enterprise. Its five-year mission: to explore strange new worlds, to seek out new life and new civilizations, to boldly go where no man has gone before. -Carlos Eduardo Meine Morais

Pra mim foi muito legal. Assistir aos filmes na telona dá uma emoção diferente. A companhia de trekkers que também são apaixonados pelos filmes é massa. Foi memorável pra mim. -Simone Cardoso Lima

Eu diria que foi incrível para mim. Foi fantástico, extraordinário. Além do prazer de ver os filmes mais uma vez, estar acompanhado na plateia de pessoas que também como eu curtem essa série, com direito ainda a debate sobre os filmes depois da exibição deles. Para mim foi incrível e super especial! - Jorge Couto de Castro

Emocionante! Tive a chance de assistir aos filmes num local maravilhoso! Cresci assistindo o seriado Star Trek na televisão (TV Manchete, na Sessão Espacial às 18h nos anos 1990-91) e eventualmente exibiam os filmes, principalmente na igualmente saudosa TV2 Guaíba. O primeiro que assisti no cinema foi o sexto (The Undiscovered Country - 1992) e  tinha o desejo de assistir os filmes anteriores numa mostra ou evento! Parabéns pelo evento e muito obrigado! -Rodrigo A. Sena Pereira

Foi muito bom poder assistir parte de todos os filmes no cinema, pois raramente temos a oportunidade de encontrar não-lançamentos famosos nas telas, além de serem as novas versões, que não foram exibidas nos cinemas! Foi emocionante. As distribuidoras deveriam pensar nesse filão (como uma fez recentemente na rede Cinemark). Pude realizar um antigo desejo: assistir a trilogia dos filmes 2 ao 4 juntos, e acabou sendo na tela grande, com bom som! Gostei bastante dos bate-papos, para mim uma das melhores partes, e infelizmente curtas pelo adiantado da hora. Além disso fiz novas amizades, e percebi outras formas de adorar Jornada nas Estrelas. Enfim, foi um aniversário onde os presenteados fomos nós! -Jener Gomes

Comemorar o aniversário de Star Trek nos cinemas foi uma coisa surreal. Mesmo sendo quase a minha vida inteira, os 18 anos em que fui fã são só uma pequena parte da história da franquia. Ter a primeira chance de ver os filmes no cinema, junto com outros amantes, de todas as idades, não tem preço. -Angelo Werner

Com um sentimento de felicidade, alegria (um pouco de tristeza por terminar) e tantos outros encerro a experiência de estar com amigos que tem o mesmo amor por Star Trek! Foram 30 dias de festejos que culminavam em saber que, em 1 dia da semana eu estaria junto com pessoas queridas assistindo e compartilhando ideias e ideais desta série que completou 50 anos. O sentimento que fica é o de que conheci novas pessoas incríveis, mas que, infelizmente, não irei para uma incrível sala de cinema ver minha série preferida nos telões especialmente para mim que não assisti a nenhuma delas no cinema! Eu agradeço muito ao idealizador desta ideia que trabalhou muito para que se realizasse onde fui capaz de levar inclusive minha família para estar junto. -Jeferson Alfonsin

***

Como fã de Star Trek - e organizador destes eventos - não poderia haver nada mais recompensador do que isso. Mas é claro que eu não teria feito nada disso sozinho. Então preciso agradecer algumas pessoas muito especiais que ajudaram - e muito!- em todo este processo.

Agradeço inicialmente à Verônica Fernandez, coordenadora do CCCEV, pela disponibilidade e receptividade à ideia de realizarmos nosso evento lá; à Daniela Távora - gerente do CineBancários- por abraçar a ideia da Mostra desde o primeiro momento e possibilitar sua realização em um cinema tão especial da cidade; a todos os trekkers que compareceram e contribuíram enormemente, não só com sua presença, mas com suas intervenções inteligentes durante os debates a respeito do universo de Star Trek; aos convidados e convidadas que gentilmente aceitaram o participar das sessões comentadas; ao Jener Gomes, pelos lindos registros fotográficos; ao Carlos Eduardo Meine Morais, pelos registros em vídeo; ao programa Radar da TVE e ao Jornal do Comércio pela divulgação dos eventos; ao pessoal da Sony/Paramount pelas autorizações que precisávamos para o primeiro evento.

Por fim, agradeço em especial a duas pessoas: Jeferson Alfonsin, por apoiar o blog desde o início e acreditar na viabilidade dos eventos, contribuindo com sugestões valiosas durante todo o tempo; e Angelo Werner, igualmente apoiador e colaborador desde a primeira redação dos projetos que por fim acabaram se concretizando e se tornando a maneira que Porto Alegre encontrou para homenagear Star Trek e seu legado após 50 anos de sua estreia.

 Vida longa e próspera a todos vocês e a Star Trek!


***

Debates:

Sessão comentada de Star Trek IV: The Voyage Home (CineBancários - 12/09/2016): https://www.youtube.com/watch?v=MkrLNDR7uBA

Sessão comentada de Star Trek: First Contact (CineBancários - 19/09/2016): https://www.youtube.com/watch?v=11N1kZEWQys

Sessão comentada de Star Trek: Into Darkness (CineBancários - 26/09/2016): https://www.youtube.com/watch?v=p7KFBKqB6uQ

Mídia:

Entrevista para o programa Radar em 09/09/2016 (TVE RS): https://www.youtube.com/watch?v=nxvUjOArZjA

Matéria no Catraca Livre (02/09/2016): https://catracalivre.com.br/porto-alegre/agenda/gratis/cine-bancarios-exibe-mostra-gratuita-com-os-filmes-de-star-trek/

Jornal do Comércio (26/08/2016)

Jornal do Comércio (25/08/2016)

Jornal do Comércio (26/09/2016)
Cartazes:





Momentos:

Pré-estreia de Sem Fronteiras (30/08/2016)

Pré-estreia de Sem Fronteiras (30/08/2016)


Primeiro debate no CineBancários (12/09/2016)

Trekkers felizes na "jornada cinematográfica"

Primeiro debate no CineBancários (12/09/2016)

Após a última sessão no segundo dia da Mostra no CineBancários (19/09/2016)

Segundo debate no CineBancários (19/09/2016)

Terceiro debate no CineBancários (26/09/2016)





quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Mythos Editora publica no Brasil a HQ de "Cidade à Beira da Eternidade"

Frequentemente, a longevidade de Star Trek é atribuída ao alto nível dos roteiros escritos para a série clássica. E um dos motivos pelos quais o nível dos roteiros atingia este patamar superior ao de outras produções da época era o fato de que vários episódios contaram com autores de ficção científica consagrados, como Robert Bloch, Norman Spinrad, Theodore Sturgeon e Harlan Ellison. Este último escreveu talvez o episódio mais consagrado da série original: Cidade à Beira da Eternidade.

Ellison, um prolífico autor de ficção científica – que teve boa parte de sua obra publicada no Brasil apenas como parte de antologias –, também escreveu roteiros para seriados como O Agente da U.N.C.L.E, A Noviça Voadora e A Quinta Dimensão (ele afirmou que um episódio desta última, Soldier, foi a inspiração para o filme O Exterminador do Futuro). 

Seu único roteiro para Star Trek, Cidade à Beira da Eternidade, é considerado, com frequência, o melhor dos 79 episódios da série original e foi vencedor do Prêmio Hugo de Melhor Apresentação Dramática, em 1968. 

No entanto, Harlan Ellison sempre foi expressivo em suas críticas à filmagem do roteiro e chegou mesmo a submeter sua versão para concorrer ao prêmio de melhor episódio dramático da Writers Guild of America (a Associação de Roteiristas dos Estados Unidos da América), em 1968, onde se sagrou vencedor.

Gene Roddenberry e outros sempre defenderam que o orçamento jamais comportaria o episódio inicialmente concebido pelo autor, que por isso, teve de ser modificado. E justamente aí que entram os quadrinhos: embora Ellison tenha publicado o roteiro original, e também uma novelização em anos passados, foi só com a belíssima versão em quadrinhos de Star Trek: Cidade à Beira da Eternidade que o público pode finalmente visualizar, sem restrições, o produto concebido pela incrível imaginação do escritor.

Adaptado pelos irmãos Scott e David Tipton, veteranos dos quadrinhos de Star Trek, trazendo a elegante arte pintada de J.K. Woodward, a história mostra Kirk e Spock voltando no tempo para capturar um renegado tripulante da USS Enterprise disposto a mudar o passado. 

Finalmente, esta bela obra chega ao mercado brasileiro, através da editora Mythos. A HQ já se encontra em pré-venda, com lançamento previsto para o próximo dia 30 de setembro. 


terça-feira, 20 de setembro de 2016

Segundo dia da mostra de cinema de Star Trek foi um sucesso

Foto:Jener Gomes
Foi um grande sucesso o segundo dia da Mostra de Cinema 50 Anos de Star Trek: Uma Jornada Cinematográfica, organizada pelo Apenas um Trekker e CineBancários em Porto Alegre. 

Durante o dia, o público pôde assistir quatro longas da franquia, começando com Star Trek V: The Final Frontier, e encerrando a noite com Star Trek: First Contact

Nesta última sessão houve um animado bate-papo entre este blogueiro, as trekkers Andréa Martins, Simone Cardoso e o trekker Angelo Werner, onde foram abordadas as características do personagem Picard neste filme e a construção do mito histórico de Zefram Cochrane, dentre outros temas não menos interessantes e divertidos. O público também participou ativamente do debate, colocando questões não somente sobre First Contact, mas também acerca dos outros filmes exibidos na mostra. Confira aqui.

Já é seguro afirmar que este mês de comemorações dos 50 anos de Jornada nas Estrelas em Porto Alegre se tornou um evento memorável para os trekkers do Rio Grande do Sul. Após os encontros no Centro Cultural CEEE Erico Verissimo, a jornada segue no CineBancários. Na próxima semana, teremos o último dia da mostra, com mais quatro filmes e sessão comentada de Star Trek: Into Darkness

Espero todos lá!

Foto: Jener Gomes

Foto: Jener Gomes

Foto: Jener Gomes

Foto: Jener Gomes


quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Star Trek: Discovery estreará somente em maio de 2017



Até então, a data anunciada para a estreia de Star Trek: Discovery era janeiro de 2017. No entanto, durante a tarde de hoje, a CBS All Access revelou que a data será postergarda para maio.

De acordo com o comunicado de Alez Kurtzman e Bryan Fuller, criar uma nova série de Star Trek é uma grande responsabilidade, e como tal, há a necessidade de um tempo maior para o desenvolvimento de uma produção de qualidade.

Portanto, os trekkers deverão aguardar um pouco mais para o tão sonhado retorno de Star Trek à TV.

No Brasil a série será exibida pela Netflix.

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Trekkers comemoram os 50 anos de Star Trek no CineBancários em Porto Alegre

Sessão comentada de Star Trek IV
Foto: Jener Gomes

O primeiro dia da Mostra de Cinema "50 Anos de Star Trek: Uma Jornada Cinematográfica" foi um grande sucesso! Os trekkers de Porto Alegre e região puderam comemorar o cinquentenário da série em grande estilo, fazendo uma maratona jornada pelas quatro primeiras incursões de Star Trek na telona. 

E foi isso mesmo que aconteceu: diversos trekkers assistiram os quatro filmes na sequência. Isso que é disposição trekker! 

Foto: Jener Gomes
Na última sessão, Jeferson Alfonsin, Angelo Werner e este blogueiro comentaram o filme, destacando a sua mensagem ecológica e a sua atualidade. O público também participou ativamente, com comentários inteligentes e divertidos. Confira aqui o bate-papo.

Como bônus, o blog sorteou dois exemplares do livro "50 Anos de Jornada nas Estrelas", lançamento da Globo Livros. Amir Omar Mello Saleh e Carlos Eduardo Meine Morais foram os trekkers sortudos a levarem o livro para casa.

Na próxima segunda-feira (19/09, véspera de feriado), a partir das 14h, segue a Mostra, desta vez com os filmes Star Trek V (14h), Star Trek VI (16h), Star Trek: Generations (18h) e Star Trek: First Contact (20h), havendo comentários e bate-papo neste última.

Esperamos todos lá!

Trekker Amir, o primeiro ganhador do livro
Foto: Jener Gomes

O segundo ganhador foi o trekker Carlos Eduardo
Foto: Jener Gomes

Foto: Jener Gomes

Foto: Jener Gomes



segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Mostra gratuita de cinema exibe 12 filmes de Star Trek em Porto Alegre

Começa hoje, no CineBancários (Gen. Câmara, 424, Porto Alegre) a mostra de cinema "50 Anos de Star Trek: Uma Jornada Cinematográfica", que exibirá na telona os 12 longas-metragens de Jornada nas Estrelas produzidos entre 1979 e 2013. A mostra será a maneira dos trekkers gaúchos comemorarem os 50 anos da franquia, completados no último dia 8.

Organizada pelo blog Apenas um Trekker, em parceria com o CineBancários e o SindBancários de Porto Alegre, a "jornada cinematográfica" terá entrada gratuita e ocorrerá nos dias 12, 19 e 26 de setembro, exibindo quatro filmes em cada data.

Na estreia, serão exibidos os seguintes filmes:

14h: Star Trek: The Movie Picture (Jornada nas Estrelas: O Filme)
16h: Star Trek II: The Wrath of Khan (Jornada nas Estrelas II: A Ira de Khan)
18h: Star Trek III: The Search for Spock (Jornada nas Estrelas III: À Procura de Spock)
20h: Star Trek IV: The Voyage Home (Jornada nas Estrelas IV: A Volta Para Casa)

Após a sessão de Star Trek IV haverá um bate-papo entre convidados e o público, mediado por este blogueiro. Igualmente, o blog sorteará exemplares do livro "50 Anos de Jornada nas Estrelas", da Globo Livros, com histórias de bastidores de Star Trek.

Convidamos a todos, não somente trekkers, mas o público interessado em ficção científica e cinema em geral, a comparecer nesta grande celebração dos 50 anos de umas das obras mais influentes do gênero ficção científica em todos os tempos.